skip to Main Content

Quais são os primeiros passos para abrir seu próprio negócio?

Compartilhe nas redes!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Diferentes motivações têm levado brasileiros a considerar a possibilidade de empreender. Para seguir esse objetivo, porém, é preciso compreender previamente que abrir um novo negócio exige uma preparação que vai bem além da obtenção dos recursos financeiros iniciais.

Há orientações que, se seguidas ainda nos primeiros passos do empreendedor, são determinantes para se proteger dos riscos envolvidos nessa atividade.

A seguir, apresentamos de forma bastante simples os passos mais importantes para considerar nesse momento. Acompanhe!

 

– Estude seu mercado

Boa parte dos novos empresários se motivam a abrir um negócio por já terem, previamente, uma ideia sobre o que pretendem vender; em outros casos, o empreendedor sai em busca dos segmentos mais interessantes e lucrativos para depois definir seu mercado de atuação.

Em todo caso, essa decisão deve estar fundamentada em um estudo bastante minucioso do segmento em que se pretende atuar. Afinal, é por meio da expertise naquele segmento que seu negócio poderá se diferenciar diante da concorrência, atraindo a atenção do seu público de interesse.

Para tanto, vale dedicar muitas horas prévias à abertura do negócio para estudar o que os outros estão fazendo – tanto a concorrência local quanto os grandes nomes daquele segmento, que podem te inspirar a trazer um conceito novo para a sua região – e, ainda, para se tornar um conhecedor profundo daquele produto/serviço que será o foco do seu negócio.

Se a ideia é abrir uma sorveteria, por exemplo, não se limite a conseguir um fornecedor que lhe entregará o produto pronto e a montar sua infraestrutura. Mergulhe para entender como encontrar as melhores matérias-primas, quais são as maiores tendências da área e como é possível oferecer uma experiência que vai além da compra do produto em si. Isso é o que vai te diferenciar no mercado!

 

empreendedor deve conhecer os riscos envolvidos antes da abertura de um novo negócio

 

– Conheça os riscos envolvidos

Ainda no estudo do segmento de atuação, deve-se dedicar especial atenção ao levantamento dos riscos envolvidos para aquele tipo de negócio. E não pense que há como correr deles! Saber que qualquer negócio envolve riscos é premissa básica para o empreendedorismo. O grande segredo é saber prevê-los para se preparar e agir quando preciso.

Os riscos podem variar bastante, mas é fundamental estar atento ao contexto econômico e financeiro e ainda considerar questões como concorrência, sazonalidade, acesso à matéria-prima, localização… Analise tudo que poderá afetar direta ou indiretamente os lucros do seu negócio para planejar-se de acordo com expectativas mais precisas.

 

– Priorize o planejamento financeiro e estratégico

O que poderá determinar que, diante de todos os riscos identificados, seu negócio tenha sucesso?

A chave está no planejamento, que auxilia na saúde da empresa tanto no sentido operacional quanto financeiro. Além de um planejamento estratégico que direcione as ações como um todo, é indicado ainda contar com um planejamento financeiro minucioso, que mantenha o controle sobre os números de forma constante.

É válido lembrar que bons planejamentos são ferramentas ativas, ou seja, capazes de acompanhar as mudanças quando necessário.

Depois de definidos, os planejamentos devem passar por revisões que considerem oportunidades, novos riscos e necessidades momentâneas, para que cumpram, realmente, o objetivo de auxiliar no sucesso do negócio.

 

– Tenha apoio estratégico

Quando falamos em planejamento, é possível que você saiba do que se trata, mas tenha dificuldades em visualizar, na prática, como ele é formulado e aplicado. Essa é uma dúvida bastante comum.

Há uma série de técnicas e conhecimentos específicos que podem ser aplicados para a formulação de planejamentos estratégicos e financeiros realmente efetivos e condizentes com a realidade de cada negócio.

É por isso que o apoio profissional cumpre um papel fundamental nas primeiras fases de um negócio. Profissionais com perfis consultivos são responsáveis por compreender o cenário do seu negócio e, a partir daí, fornecer todo o apoio prático e orientação necessária para chegar aos resultados almejados, por meio do acompanhamento dos planejamentos projetados em conjunto.

Você conhece a Contabilidade Consultiva? Converse com a Marco Contabilidade Consultiva para entender como ela pode ser seu braço direito em um novo negócio.

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn
This Post Has 0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Posts Relacionados

Guia Definitivo Da Contabilidade Consultiva Post (1) - Marco

Contabilidade consultiva: o que é?

Guia da contabilidade consultiva para você potencializar os seus serviços contábeis! Entenda o que é a contabilidade consultiva, como ela funciona e por que ela

Back To Top
Recomendado só para você
O empreendedor que acompanha as notícias do país sabe que…
Cresta Posts Box by CP
Olá